CPTM RFSA mrs refer

Sindicato dos Ferroviários de São Paulo




CPTM


Categoria suspende a paralisação, mas mantêm o estado de greve.

Em assembleia realizada nesta terça-feira no Sindicato dos Ferroviários de São Paulo, a categoria rejeitou a proposta da CPTM, suspendeu a greve, e decidiu continuar em “estado de greve”. Durante a assembleia a CPTM sinalizou com a possibilidade de continuar as negociações.
Na audiência realizada nesta tarde no TRT, a CPTM apresentou a seguinte proposta:
-Reajuste de 3,07% (relativo aos meses de janeiro e fevereiro de 2011, em função da mudança da data-base de setembro para março)
-Vale refeição de R$ 17,00.

A proposta foi rejeitada por não contemplar as reivindicações da categoria.
A categoria reivindica:
8,71% IPC/FIPE de janeiro 2010 a fevereiro de 2011;
5% de aumento real;
Vale refeição a R$ 19,00;
Implantação de um novo plano de carreira;
Uma movimentação horizontal no plano de carreira atual;
Risco de vida para o pessoal de estação.
Estamos em assembleia permanente, buscando uma nova proposta junto à CPTM, atendo à solicitação do TRT na audiência de hoje, dia 31 de maio.
 


- História do Sindicato

O que você achou do novo site?


gostei
não gostei

Marcelo Fernandes - Diretor Sindical

Nova legislação trabalhista LEI 13.467 – 13/07/2017
Endereço da Sede: Praça Alfredo Issa, 48, 19º e 20º andares, Santa Efigênia, São Paulo - SP Telefone: (11) 3328-6088

© Sindicato dos Trabalhadores em empresas Ferroviárias de São Paulo - Desenvolvido por André Martins